Páginas

11 janeiro, 2011

Dona de Casa


Dona de casa, eu? pois é, essa semana eu virei dona de casa "Lerê, Lerê, lerêlerêlerê" ♫
Sozinha em casa durante 1 semana.
puts é mt dificil dar conta de tudo ao mesmo tempo. Olha só que coisa... estava eu agorinha na labuta doméstica e percebi que essa vida de Amélia não é pra mim.. Eu achava que cozinhar era facil, ate o momento que me vi chegar do trabalho com o estômago em prantos e ainda ter que preparar comida. Não dá. Primeiro porque pela inexperiência e por eu nunca me lembrar de tirar a maldita carne do congelador, e segundo porque preciso de coisas imediatas, por isso que já chego comendo pão, ohhhhh... coisa pratica...é só colocar uma mortadela, queijo, um requeijão, um presunto... facil, pratico, gostoso e ainda mata a fome. É bom ficar sozinha em casa, a parte chata é a hora de ser doméstica. A parte ruim é que sempre é minha vez de lavar a louça, secar e guardar a louça, jogar o lixo fora, ai eu fico pensando não seria mais facil se tudo fosse descartável. A roupa suja não sai do cesto sozinha e vai parar limpinha na gaveta. A comida não brota na mesa de jantar pronta e quentinha. Meu arroz fica papa, por isso que o miojo é meu parceiro. A casa fica com poeira. Os produtos e alimentos não surgem na dispensa do nada. Obs: eu odeio ir ao mercado, não sei a diferença entre o coentro e cheiro verde, sem contar que no mercado tem umas coisas bizarras tais como o milho verde ser amarelo. Agradeço de coração ao inventor da máquina de lavar roupa, sr. A.J. Fischer - ao menos é ele que detém a patente. Não sei o que seria de mim e das minhas mãos sem a invenção dele - sou super alérgica a produtos químicos!
Meu sincero 'muito obrigada' ao criador do aspirador de pó sr. Ives McGaffey e àquele que o aprimorou, o sr. Murray Spangler, pois tornam as tarefas domésticas mais simplificadas! Eu não sou uma dona de casa com daquelae com "D" maiúsculo, mas eu me viro.

Confeço que ao invés de ser "Dona de casa" eu prefiro ser "A Dona Da Casa"